Loja XIII de Maio inaugura o novoTemplo

A Sessão Maçônica desta segunda-feira, 18 de novembro de 2019, crava um marco histórico na existência da Loja Maçônica XIII de Maio de Faxinal, quando todos os seus membros adentram oficialmente para a primeira Sessão no novo Templo que acaba de ser construído. Foi um momento único, emocionante, de sensação de dever cumprido pelos Irmãos que acreditaram em um sonho que se tornou realidade; de lembranças a quem passou pela Loja e de esperança aos que vierem no futuro, mas acima de tudo de gratidão ao Grande Arquiteto do Universo pela conquista, para alegria dos membros que compareceram em massa, em reconhecimento ao chamado do Venerável Mestre Paulo Geremias Irmani.

Historicamente se faz necessário lembrar que a Loja XIII de Maio foi fundada em 13 de maio de 1980, cujas primeiras reuniões se realizaram no Templo da Loja São João de Grandes Rios, posteriormente em casas de membros e locais locados em Faxinal, sendo finalmente possível inaugurar sua sede própria no dia 28 de abril de 1984, no Templo que foi utilizado até a data de hoje.

Após a Sessão, os familiares foram recebidos no Tempo, e a Cunhada Lurdinha falou em nome das demais, surpreendendo a todos com mensagens de felicitações pela dedicação e empenho de todos na construção do novo Tempo, e entregou ao Venerável Mestre Irmani como lembrança uma Bíblia Sagrada. Também a Cunhada Cláudia fez a leitura de uma linda mensagem enviada pelo ex-Venerável Irmão Alan Kardec Moreira, agradecendo o convite e lembrando que “toda grande jornada começa com o primeiro passo e eu me sinto honrado e orgulhoso de ter participado do início desse projeto… e que o maior e melhor templo está dentro de cada um de nós…”. Também o ex-Venerável Irmão Júlio César Nogueira Dutra falou da alegria em ver realizado o sonho dos Irmãos da Loja, ele que na verdade foi não só o grande idealizador, como também quem lutou pelas finanças da Loja, deixando um suporte financeiro a altura do início das obras, e na ocasião lembrou que o primeiro a pensar na construção e dar início ao levantamento dos recursos foi o Irmão Gerson de Almeida Santos. Por fim, o Venerável Irmão Geremias se mostrou imensamente feliz e realizado em poder na sua gestão executar e concluir as obras deste que se apresenta como um lindo Templo, e que pela dedicação de seus obreiros na construção de uma sociedade mais justa e fraterna, marcará com certeza a história da Loja XIII de Maio e da Maçonaria Universal.

(Texto: João Pedro Taborda)